Há 84 anos, Porsche assinava contrato com Hitler para desenvolver o Fusca

0
118

O primeiro passo para a produção do Fusca foi dado há 84 anos. No dia 22 de junho de 1934, o contrato de produção do carro foi fechado pelo projetista Ferdinand Porsche (1875-1951) com o governo alemão. Adolf Hitler (1889-1945), que acabara de assumir o poder, desejava que um carro barato chegasse às ruas.

O criador do veículo mais popular do planeta tinha que entregar um automóvel robusto e econômico, que atendesse às exigências estipuladas pelo governo –era parte de uma estratégia de estado para dar rodas ao país e desenvolver a indústria.

Os primeiros protótipos foram apresentados em 1936, mas o carro só começou a ser produzido em 1938. Chamava-se então KDF-Wagen. A sigla era a abreviação de “Kraft durch Freude” (Força pela Alegria), nome da associação responsável pela venda do veículo. Wagen significa carro em alemão.

Os trabalhadores pagavam um tipo de consórcio: preenchiam uma cartela com selos que, quando completa, dava direito ao automóvel.

A produção foi paralisada durante a Segunda Guerra Mundial, quando veículos anfíbios e utilitários com fins militares foram montados sobre a base do Fusca.

O carro poderia ter desaparecido ou sucumbido diante das atrocidades do governo nazista, mas a fabricação foi retomada ainda em 1945, agora sob o comando dos ingleses. As primeiras unidades atendiam às forças aliadas no pós-guerra.

O carro fez parte do processo de reconstrução da Alemanha e começou a ser exportado no fim dos anos 1940. Começava a ser construída uma nova imagem para o “besouro”, que é um dos tantos apelidos do modelo Volkswagen.

O nome Fusca pegou no Brasil, onde o carro se chamava originalmente Volkswagen Sedan. A origem é atribuída à forma como os alemães pronunciam a sigla VW.

As primeiras unidades chegam ao país em 1950, em um pequeno lote importado pela Brasmotor. No ano seguinte, a empresa começou a montar o carro com peças vindas da Alemanha. Cerca de 1.200 unidades foram produzidas até 1953.

montagem nacional do Fusca sob comando da Volkswagen começou em março de 1953, em um galpão alugado no bairro do Ipiranga, zona sul de São Paulo. Na época, 12 operários produziam o carro, que se chamava Sedan 1200.

A fábrica Anchieta, em São Bernardo do Campo, foi inaugurada em 18 de novembro de 1959.

Fonte: Folha de São Paulo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, preencha seu nome auqi