Companheiro está proibido de se aproximar de cantora agredida no Piauí

0
70

A delegada titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher, Vilma Alves, solicitou medida protetiva para impedir que Marcelo Francisco Pereira de Oliveira se aproxime da cantora piauiense Gleycielle Mendes de Sousa, conhecida como Vakeira Funk. A artista procurou a delegacia no final do mês de maio para denunciar agressões por parte do marido e companheiro de banda.

A delegada Vilma disse que a medida protetiva foi feita porque a vítima, além de agredida, foi ameaçada de morte. “Uma medida protetiva de urgência foi feita, todas as providências da lei foram tomadas. Ela está sendo atendida porque estava com muito medo, mas graças a Deus ela está tendo proteção. Ela relatou no boletim de ocorrência ter sofrido ameaça de morte”, disse.

O suspeito ainda não prestou depoimento, mas deve ser intimado ainda esta semana, de acordo com a delegada. As agressões teriam ocorrido no dia 30 de maio de 2018. A vítima passou por um exame de corpo de delito, que teria comprovado a lesão corporal. Segundo a delegada, um dos motivos das agressões seria a ascensão da carreira de cantora da vítima, o que estaria incomodando o marido.

Um vídeo compartilhado nas redes sociais mostraria um dos episódios de agressão, ocorrido dentro do escritório da banda que a cantora faz parte. A delegada disse que a cantora saiu de casa e foi acolhida por uma pessoa conhecida. O G1 entrou em contato com o marido da cantora, mas ele não foi encontrado para falar sobre a acusação.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor, preencha seu nome auqi